Velho Piano Quero queimar meu navio Deixar a corda no rio Na cinza da estrada Nada Na água escura Nada é loucura Nem Deus me espera No meio das pedras…